Gays podem assinar contrato




Agora que 2009 está a terminar, é altura certa para fazer um balanço.
De uma forma geral, este ano que agora termina foi repleto de casos polémicos, tais como a crise que afectou todo o mundo, o caso Freeport, o caso Face Oculta, o caso BPP e ainda o caso entre a minha vizinha do 6º andar com o padeiro.
Apesar de em 2009 não faltar polémica, o querido ano de 2009, lembrou-se de acrescentar mais uma: A Lei que prevê o casamento entre pessoas do mesmo sexo!
Agora para além das Noivas de Santo António, teremos as Noivas do Arco Íris!
Por conseguinte, o tradicional “o noivo pode beijar a noiva” passará a ser “o noivo pode beijar o noivo”.
Eu, se fosse funcionário do registo civil e se me “tocasse” um casamento entre dois homens, iria por certo passar o tempo todo a franzir a testa e o nariz…
Contudo, para os homossexuais, o facto de poderem casar marca uma nova fase nas suas vidas, dando-lhes um direito que há muito vinham reclamando.
O lado negativo para os Gays é que não vão poder adoptar humanos. Podem sempre adoptar um cão ou um gatinho. Convenhamos que seria por certo estranho para uma criança ter dois pais. Imaginem a criança em casa: “Oh Pai, o Pai está a chamar-te!”, ou então “Oh Pai, o Pai bateu-me!” ou ainda, “Este é o meu Pai e aquele é o meu Pai”. Já viram a dificuldade? Podiam sempre tentar disfarçar: “Aquele ali é o meu Pai e o que o está a beijar é o meu Tio…”, mas não era a mesma coisa.
Obviamente que a Igreja está contra. Não só não aceitam o casamento entre pessoas do mesmo sexo, como também afirmam que os gays não vão para o céu!
O porta-voz dessas palavras, o Cardeal Mexicano Javier Lozano Barragan, afirma que “tudo o que vai contra a natureza ofende Deus”. Afirma ainda, que ninguém nasce homossexual, torna-se por motivos de educação, por não ter desenvolvido a própria identidade na adolescência.
Em primeiro lugar: Porque não poderão os gays ir para o Céu? Simples! Porque como é sobejamente conhecido, o Cardial Javier controla a empresa de segurança celestial, a “Pro-Heaven”, e sem a sua autorização é impossível a entrada de novos membros
Em segundo lugar, eu também concordo que ninguém nasce homossexual, porque se tem pilinha é menino e sem tem pipi é menina.
Agora, a dúvida com que eu fico é: Mas como é que se educa alguém para ser homossexual? Existem cursos do tipo “Wallstreet Gay Institute”? É alguma cadeira que exista num qualquer curso da Faculdade? Ou será alguma virose que se apanha através da picada de um mosquito?


Um Bom Ano de 2010 para todos!

Comentários