Homens em cuecas


Não será por certo um post repleto de imagens com homens em trajes menores, nem tão pouco um post de cariz homossexual.
De certeza, que muitos já ouviram falar em Wrestling, através da televisão, ou por conversas com os filhos ou netos. Considerado um desporto, o Wrestling gera milhões e milhões de dólares, todos os anos, nos Estados Unidos da América. E o que torna este desporto tão especial?
Homens em cuecas, que fingem que lutam uns contra os outros, num ringue, onde o enredo mais parece uma novela da TVI, mas sem sexo, sem corpos totalmente desnudados e sem romance (apesar de já se ter ouvido que já ouve romance nos balneários… mas isso são outras histórias).
O que leva então alguém a querer assistir a uma luta, de homens em cuecas?
Podíamos dizer que seria pelo espectáculo das acrobacias, o que tem a sua verdade, mas quando pensamos que tudo aquilo é a fingir e que a maior parte dos fãs são adultos…
O Wrestling tornou-se tão popular, que até em Portugal existem lutadores, cheios de hormonas e com nomes muito criativos.
No entanto, ao contrário dos seus congéneres americanos, os nossos lutadores tornam a “coisa” ainda mais estranha. Senão vejam as seguintes fotos:

Batista / Pégaso

Triple H / Cougar

Não sei se vale a pena acrescentar mais alguma coisa…
Quando tinha os meus 10 anos, assistia aos combates de Wrestling com o Hulk Hogan.
Quando tinha 10 anos…

Comentários

  1. Kipo, boa noite!
    Eu não sou apologista de desportos deste género: odeio box, luta livre e afins. Não entendo qual a piada em levar tareia, arriscando-se a ficar cego, surdo ou até morrer. Para descarregar a fúria? Para ser mais "homem"/"mulher"? Para quê?...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Olá Isabel!

    Tenho que ver como posso ser avisado sempre que tenho um comentário aqui.. :)

    Eu também não sou grande fã de desportos de lutas, mas dou valor a quem os pratica, porque não é nada fácil.
    Agora Wrestling? :)

    Obrigado pelo comentário e bjs,
    Kipo

    ResponderEliminar

Enviar um comentário